Agência e cliente: o segredo do sucesso está no diálogo

Publicado em 14 de Maio de 2015 - Tempo de leitura -

Sarah Moraes - Sarah é executiva de Marketing Digital na Hook e adora gatos!

Siga-me:

Relacionamento entre empresa e fornecedor nem sempre é um exemplo de cordialidade e parceria. E isso se estende também ao mundo da comunicação.

agência, como fornecedora, tem limitações para lidar com a empresa cliente. Muitas vezes a agência elabora um bom plano de ação, respeitando o orçamento e pensando em manter a boa reputação da empresa e é limada pela comunicação interna (interface, gerência e diretores), que afirma não ter dinheiro para o investimento ou ainda por não considerar a comunicação tão importante assim.


Como é a relação entre agência e cliente?

Muitas agências acabam tendo a percepção de que sua interface no cliente não trabalha em parceria ou que vê na fornecedora uma ameaça ao seu trabalho.

Em contrapartida, a agência precisa estar preparada para lidar com esses percalços e conhecer bem a empresa para a qual trabalha para que possa planejar de acordo com suas expectativas.

Faz parte do trabalho diário da agência e cliente a educação sobre o trabalho que está sendo feito, escopo contratado e orientá-lo quanto a melhor ação a ser feita e quando. Além disso, a fornecedora deve estar disposta a ouvir o outro lado, compartilhar ideias e chegar sempre a melhor solução no caso de um problema ou crise.


Como alcançar o diálogo ideal?

Da empresa em relação ao cliente, é preciso que a interface e os gestores estejam familiarizados com o trabalho, exponham dúvidas e preocupações diárias. Estar em contato com o fornecedor todos os dias facilita o trabalho.

A conversa entre as duas partes deve ser sempre franca e objetiva. Pode acontecer de chegar um pedido um pouco fora do comum à interface da empresa e antes de sair fazendo, o ideal é pedir orientação para a agência sobre o pedido e caso cheguem à conclusão que não é uma boa ideia, argumentar sobre os prós e contras de colocá-la em prática juntos.

A parceria não nasce da noite para o dia e nem da relação de submissão ou medo. As duas partes precisam conhecer a rotina uma da outra e fortalecer o relacionamento. Não digo que seja necessário concordarem sempre, mas como em qualquer outro relacionamento, é preciso compartilhar, conversar e estar presente.

Veja como não fazer: Os 10 erros mais comuns em um projeto de Inbound Marketing  

Para outros insights, clique aqui: Fidelizar

Quer falar sobre resultados? Dá um alô na gente. ;)

Resultado da busca