O que é o Flywheel e como adotar na sua empresa

Publicado em 17 de Julho de 2019 - Tempo de leitura -

Carlos Tesore - Sócio-fundador da Hook Digital

Siga-me:

Em qualquer área moderna de marketing que visa gerar leads e apoiar vendas terá um funil em algum lugar, seja no dashboard na TV na parede, no relatório em Excel ou em desenhos na parede. Isso é comum em uma equipe que busca o crescimento da empresa. 

Durante anos as empresas se organizaram à partir do funil: Atrair, converter e vender. Isso funcionou e ainda funciona (e muito). Aliás, parênteses: "muitas empresas, especialmente as tradicionais, nem chegaram no estágio do funil no marketing" 

Bom, mas a realidade tem sinalizado que a estratégia centrada no funil não é mais suficiente, já não é tão eficaz como foi até agora.

A pesquisa realizada pela HubSpot em 2018 deixa esse cenário mais claro, gráfico abaixo:

HubSpot Pesquisa Inbound 2018 - Boca a boca


Os dados impressionam: 55% dos compradores afirma que o "boca a boca" é a fonte mais confiável na hora da escolha de software e 45% destaca que a confiança maior está na referência de clientes do fornecedor que está sendo avaliado. 

Isto significa que o trabalho incessante de gerar mais leads e fechar novos negócios é apenas uma parte da responsabilidade do marketing. O CMO agora é co-responsável não somente pelo topo do funil ou pelo relacionamento com a base de clientes, mas pela retenção, crescimento de receita e aumento do LTV (Life Time Value). 

É aqui que o Flywheel entra em jogo.

O que é o Flywheel: 

Na prática, quando usamos o funil estamos assumindo que nossa energia acaba quando chegamos na base, ou seja, tudo termina quando um lead é convertido em cliente. No Flywheel o conceito é diferente, pois toda energia é armazenada e liberada conforme necessidade.

Flywheel

Inventado por James Watt, é basicamente uma roda ou disco que é muito eficiente em termos de energia, quanto mais rápido ele gira mais energia armazena, eliminando atritos ou fricções durante seu movimento. 

Tentando aterrissar, apostar no Flywheel significa colocar todo esforço na direção do cliente, para gerar a melhor experiência em todos os pontos do contato, do primeiro contato à renovação de contrato. Marketing, Vendas e Serviços trabalhando juntos! 

Com o Flywheel, trabalhamos para incentivar os clientes satisfeitos a promover a marca da empresa, gerando assim o efeito "boca a boca" que mais leads e negócios para o início do ciclo. 

Hubspot-Flywheel

Dessa forma, roda gira, quanto mais rápido melhor: efeito Flywheel na prática.

Não é uma revolução nos processos, é apenas um modelo novo para acelerar o crescimento da sua empresa. O atrito e as fricções do processo teoricamente diminuem. O alinhamento das equipes de marketing, vendas e sucesso do cliente é feito à partir de três momentos mágicos ao longo da jornada.

 

Flywheel HubSpot e Hook

Atrair

Conquistar a atenção do público sem forçar. Atrair mais visitantes para os canais com conteúdo relevante e referência de clientes sobre sua empresa.

Converter e Engajar

Tornar um visitante desconhecido em um contato. Comece um relacionamento contínuo, permitindo que seus compradores interajam a qualquer momento e canal. Direcione os incentivos para o sucesso do cliente e não apenas em negócios fechados.

Encantar

Associe o sucesso da sua empresa ao cliente. Adapte processos e recursos para o sucesso e encantamento do cliente. 

Como implementar na sua empresa

O Flyweel é sem dúvida um novo modelo, para começar na sua empresa, é preciso identificar gargalos, pontos de atrito e métricas: 

  • Desenhar a jornada completa da sua persona
  • Identificar papéis e processos em todos os pontos de contato nos estágios do Flywheel
  • Mapear atritos e pontos de fricção ao longo da jornada
  • Criar plano de "Fricção Zero" para todas as áreas
  • Oferecer um modelo de incentivo baseado na satisfação do cliente
  • Adotar uma plataforma integrada de dados para automação e compartilhamento de informações
  • Realinhe esses pontos de atrito para servir melhor o cliente através da automação, do compartilhamento de objetivos e de uma reorganização
  • Definir métricas de sucesso do cliente e impacto na receita

Ao contrário de algumas mudanças negócios, o Flywheel não é tudo ou nada. Qualquer mudança para reduzir o atrito no relacionamento e experiência do cliente terá um impacto mensurável no negócio. 

Abandonar o funil é uma decisão que precisa acontecer agora, apostar na experiência é o único caminho para você diferenciar-se da concorrência e ter mais lucratividade.

Para outros insights, clique aqui: Fidelizar

Quer falar sobre resultados? Dá um alô na gente. ;)

Resultado da busca